Pipoca de leite ninho





Pipoca de leite ninho

Ingredientes:

1 xícara de milho
1 xícara de água
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de óleo
1 xícara de leite ninho em pó

Modo de Preparo
1- Coloque todos os ingredientes na panela, misture e deixe em fogo alto, mexa de vez em quando.

2- quando o milho começar a estourar tampar a panela.

3- Assim que retirar a pipoca da panela coloque em uma recipiente e acrescente o leite ninho e mexa.


Bombom na Travessa




Bombom na Travessa
Ingredientes:
360g de chocolate picado
1 lata de leite condensado
1 caixinha de creme de leite
1 caixinha de chantily
Bombons a gosto
Raspas de chocolate a gosto
Modo de Preparo:
Comece derretendo o chocolate picado no microondas ou em banho maria.
No liquidificador, coloque o leite condensado, chocolate derretido e o creme de leite. Bata por 2 minutos e reserve.
Na batedeira, bata o chantily até dar ponto. Vá acrescentando a mistura reservada de chocolate aos poucos mexendo delicadamente.
Em uma travessa, coloque os bombons cortados ao meio e distribua todo o creme de chocolate sobre eles. Espalhe raspas de chocolate por cima e leve ao freezer por 1 hr ou a geladeira de 2 a 3 hrs.


Você Sabe os Riscos do Uso do Omeprazol?


Excesso de remédios como o omeprazol causaria demência
Medicamento em consumo contínuo está diretamente relacionado à falta de vitamina B12 no organismo, que pode levar a problemas neurológicos graves

Muito usados por quem tem refluxo, gastrite, acidez estomacal, úlcera, entre outros problemas estomacais, medicamentos com o omeprazol, da classe dos antiulcerosos, que reduz a secreção ácida, podem levar à demência se consumidos em excesso.

O alerta foi feito em um estudo norte-americano, publicado na revista da Associação Médica Americana (Jama, em inglês).

Há mais de cinco anos, os médicos vinham ouvindo falar da existência de todos esses efeitos secundários. Mas torna-se difícil a sensibilização tanto dos profissionais de saúde como dos seus pacientes, a fazer o uso mais racional desse medicamento, afirma o presidente do departamento de medicina da família e da Academia de Ciências Médicas de Bilbao, José Antonio Estévez.

O medicamento representou uma revolução no tratamento de úlceras gástricas. Entretanto, conforme avaliou o estudo, o consumo contínuo (por dois anos ou mais) de doses elevadas de omeprazol, que correspondem a 40 miligramas diários, está diretamente relacionado à falta de vitamina B12 no organismo, que pode levar a problemas neurológicos graves, como demência e anemia.

Ao longo de 14 anos, de 1997 a 2011, os especialistas fizeram a comparação entre um grupo de 25.956 pacientes com diagnóstico de déficit de vitamina B12 com outro de 184.199 pessoas sem esse transtorno.

O estudo concluiu que as pessoas que tomaram omeprazol ou similar durante muito tempo tinham 65% mais chances de ter níveis baixos de vitamina B12.



Exagero. 
A descoberta serviu como alerta contra a automedicação, segundo os especialistas. Alguns afirmam que certos pacientes fazem uso do remédio quando sabem que vão exagerar na alimentação. O agravante nessa situação é a ingestão sem prescrição médica.

A pesquisa recomenda que as pessoas que insistem na automedicação devem, ao menos, reduzir a quantidade de remédio pela metade, ou fazer pausas entre um período e outro de uso. Assim, parte da quantidade de vitamina B12 necessária poderia ser recuperada pelo organismo.

Fonte. A vitamina B12 está presente em boas quantidades nos alimentos de origem animal, especialmente nos peixes de águas frias e profundas, como salmão, truta e atum, fígado, carne de porco, leite e derivados, ovos e ostras.

Flash
O que é. O omeprazol age na diminuição da quantidade de produção de ácido clorídrico pelo estômago, sendo indicado para gastrite, úlcera e esofagite.

Quanto menos remédio na sua vida, melhor. Se for possível, peça ao seu medico outros meios para te tratar, e nunca faça auto medicação.
 

Voltar ao Topo da Página